Histórico

Há 45 anos, começava a história do SENGE (Sindicato dos Engenheiros no Estado de Santa Catarina).

Fundado na Capital, em 21 de julho de 1971, o SENGE hoje funciona com sede em Florianópolis e em 7(sete) Delegacias Regionais, distribuídas pelo Estado, de maneira a aproximar a entidade do engenheiro, conhecendo a realidade de cada região.

Desde então, a entidade cresceu, fortaleceu-se e vem garantindo inúmeras conquistas e benefícios ao conjunto dos engenheiros catarinenses e em particular aos seus associados.

Nesse período, também cresceu muito o número de associados, que já ultrapassa os 4,5 mil, conferindo representatividade e respeito ao Sindicato.

ORIGEM

O Sindicato dos Engenheiros nasceu através de associados da Associação Profissionais de Engenheiros de Santa Catarina, que na época (4 de dezembro de 1970) resolveram transformar aquela Associação em Sindicato.

FUNDADORES

Foram responsáveis por essa transformação os seguintes colegas e portanto, Fundadores deste Sindicato :

Hamilton Schaefer Boris Tertschitsch
Otto Entres Gerges Wildi
João David de Souza Celso Guimarães
Edison Flávio Macedo Afonso Veiga Filho
Luiz Henrique Burmeister Avelar P. Swarowsky
Rubens Pallu Olavo Arantes
Manoel Philippi Valsonir Zilli
Ayezo Campos Carlos Alberto Ganzo Fernandes
Eduardo Reimann Bernardo J. D. Tasso
Alberto Odon May João Eduardo Amaral Moritz
Leo S. Caldas Antônio Paulo M. Miranda
Marco A. S. Vasconcelos João Eduardo Moritz

FRENTES DE ATUAÇÃO

Ação Sindical e Valorização Profissional.

Tendo como principal função a defesa dos engenheiros, o SENGE concentra esforços na Ação Sindical, lutando pela categoria no âmbito das negociações coletivas ou a sua representação junto aos empregadores.

Nas campanhas salariais dos anos 90 o Sindicato fechou Acordos e Convenções que afetam cerca de 20 mil engenheiros em todo o Estado. Apesar de uma conjuntura econômica extremamente desfavorável e a ausência de política salarial no País, o empenho e organização da categoria garantiram conquistas importantes.

Além das reivindicações salariais, têm sido lutas constantes dos engenheiros a defesa do cumprimento do salário mínimo profissional ,a reciclagem tecnológica, o Acervo técnico dos profissionais e a defesa da garantia de emprego.

BENEFÍCIOS

O SENGE desenvolveu durante esses anos e vem aprimorando cada vez mais, vários benefícios aos associados, além da sua defesa profissional, visando facilitar a vida do engenheiro e garantindo segurança e economia.
– Plano de Saúde do Engenheiro (médico e odontológico)
– Assessoria Jurídica Trabalhista e Previdenciária
– Convênio diversos com hotéis, etc.

LUTAS

Consciente da importância da Engenharia para o desenvolvimento de Santa Catarina, o SENGE historicamente vem encampando vários tipos de lutas, entre elas:
– Geração de empregos
– Retomada do crescimento econômico
– Defesa da Engenharia e tecnologia nacionais
– Transparência e eficiência da administração pública

© SENGE-SC | Sindicato do Engenheiros do Estado de Santa Catarina On Designer